top of page
  • Foto do escritorDario Alexandre

Habeas Corpus: como e quando utilizá-lo na defesa de seus clientes

Habeas Corpus: como e quando utilizá-lo na defesa de seus clientes

Habeas corpus é uma expressão em latim que significa “que tenhas o corpo”.

Ou seja, um instrumento jurídico utilizado para garantir a liberdade individual de uma pessoa que está sendo presa ou sofrendo ameaça de prisão ilegal.

Então, para o advogado criminalista, é uma ferramenta valiosa na defesa de seus clientes.

Neste artigo, vou explicar como e quando utilizar o habeas corpus para garantir a liberdade de seus clientes.

Habeas corpus: como e quando utilizar

(LEIA ABAIXO…)

Os cursos de Pós-graduação do Instituto Direito Penal Brasileiro são inovadores, pois une a teoria necessária à prática, que é fundamental para o exercício da Advocacia Criminal. Se você tem interesse em se especializar na prática da Advocacia Criminal, não deixe de conhecer o nosso curso com o estudo estratégico e prático para que você de fato ganhe experiência e segurança na prática da advocacia criminal. CLIQUE AQUI

Habeas corpus: como e quando utilizar

O habeas corpus é uma medida preventiva que pode ser utilizada antes da prisão ou após a prisão de um indivíduo.

Seu objetivo é proteger o direito à liberdade de uma pessoa que está sofrendo ameaça ou violação de sua liberdade de locomoção.

Para utilizar o habeas corpus, é necessário que a pessoa que sofre a ameaça ou violação de sua liberdade de locomoção esteja detida ou ameaçada de ser detida de forma ilegal.

Existem diversos motivos para a prisão de uma pessoa, como mandado de prisão expedido por autoridade judicial, prisão em flagrante ou temporária.

Em qualquer uma dessas situações, o advogado criminalista pode utilizar o habeas corpus como meio de defesa para garantir a liberdade do seu cliente.

No caso de mandado de prisão, o advogado pode impetrar o habeas corpus para questionar a legalidade do mandado ou para questionar a necessidade da prisão.

No caso de prisão em flagrante, o advogado pode impetrar o habeas corpus para questionar a legalidade da prisão ou para alegar a falta de elementos que justifiquem a manutenção da prisão.

O habeas corpus também pode ser utilizado para questionar a legalidade da prisão temporária.

Nesse caso, o advogado pode argumentar que não existem elementos suficientes para a prisão temporária ou que a ela já foi cumprida.

Em resumo, o habeas corpus é um importante instrumento para a defesa de seus clientes na área criminal. Utilizá-lo de forma adequada e no momento certo pode fazer a diferença na garantia da liberdade de seus clientes.

Se você é um advogado criminalista e deseja se aprofundar ainda mais nessa área, a Pós-graduação em Prática na Advocacia Criminal do IDPB é uma excelente oportunidade para ampliar seus conhecimentos e se tornar um profissional ainda mais capacitado.

Acesse agora mesmo aqui e garanta sua vaga na próxima turma.

Dicas práticas do que colocar na petição de habeas corpus

Ao impetrar um habeas corpus em defesa de um cliente, é importante que o advogado criminalista seja claro e objetivo em sua petição.

Além disso, apresente os argumentos que justifiquem a concessão da medida.

Primeiramente, é fundamental que a petição seja endereçada ao juiz competente.

Indique o nome completo do paciente (pessoa que está sendo defendida) e a autoridade coatora (quem está ameaçando ou violando a liberdade do paciente).

Também é importante mencionar o motivo pelo qual o paciente está detido ou ameaçado de prisão.

Em seguida, o advogado deve apresentar os argumentos que justifiquem a concessão do habeas corpus.

Nesse sentido, é importante mencionar a ilegalidade ou abuso de poder que justifica a impetração da medida.

Bem como as consequências danosas para o paciente caso a prisão ou ameaça de prisão sejam mantidas.

Outro ponto importante é a indicação de provas que sustentem os argumentos apresentados.

É importante apresentar documentos, testemunhas ou qualquer outra prova que demonstre a ilegalidade ou abuso de poder na prisão ou ameaça de prisão do paciente.

Por fim, é importante que a petição seja assinada pelo advogado, que deve indicar seus dados de contato para que possa ser comunicado sobre a decisão do juiz.

Vale lembrar que a impetração do habeas corpus deve ser feita de forma urgente, uma vez que a liberdade do paciente está em jogo.

Com essas dicas práticas, o advogado criminalista estará preparado para impetrar um habeas corpus em defesa de seu cliente.

E lembre-se sempre de que essa também é uma medida preventiva que pode garantir a liberdade individual de uma pessoa que está sendo ameaçada ou violada em seu direito de locomoção.

Como se especializar na Advocacia Criminal?

Se você é um advogado criminalista que busca se aprimorar e se especializar na área, a Pós-Graduação em Prática na Advocacia Criminal é a opção ideal para você.

Com o objetivo de proporcionar uma formação completa e aprofundada, o curso é voltado para profissionais que desejam aprimorar suas habilidades e conhecimentos técnicos na área do Direito Penal.

Com um corpo docente altamente qualificado, composto por professores renomados e atuantes na área, a Pós-Graduação em Prática na Advocacia Criminal oferece uma abordagem teórica e prática dos principais temas da advocacia criminal.

Ao longo do curso, os alunos terão a oportunidade de aprofundar seus conhecimentos sobre temas como o inquérito policial, a denúncia, a defesa técnica, a audiência de instrução e julgamento, recursos e muito mais.

Além disso, a Pós-Graduação em Prática na Advocacia Criminal é reconhecida pelo MEC e oferece uma metodologia de ensino inovadora, que une teoria e prática, por meio de aulas expositivas, casos práticos e discussões em grupo.

Não perca a oportunidade de se especializar em uma das áreas mais desafiadoras e importantes do Direito.

Inscreva-se na Pós-Graduação em Prática na Advocacia Criminal do IDPB e prepare-se para se tornar um profissional ainda mais completo e capacitado.

Acesse agora mesmo o site CLICANDO AQUI e saiba mais sobre o curso. Invista em sua carreira e em seu futuro profissional!

0 visualização0 comentário
bottom of page