top of page
  • Foto do escritorDario Alexandre

Como marcar vade mecum para oab

Como marcar o Vade Mecum para segunda fase de Penal da OAB

Como marcar vade mecum para oab é uma dúvida muito comum dos estudantes que estão se preparando para a segunda fase da OAB

A segunda fase da oab é um momento crucial para os estudantes de Direito que desejam se tornar advogados.

E a preparação para essa etapa da prova requer muito estudo e prática, incluindo a utilização do vade mecum.

Neste artigo, vamos dar dicas práticas de como marcar vade mecum para oab,

para que você possa se preparar da melhor forma possível para a segunda fase da prova.

Antes de prosseguir a leitura, não deixe de assistir esse tutorial de como marcar vade mecum para oab:

Esse tutorial faz parte do meu Curso para a Segunda Fase da OAB em Direito Penal, onde não trabalhamos apenas o conteúdo de Direito e Processo Penal que você precisa ter para a Segunda Fase da OAB.

Nós trabalhamos TODOS os aspectos para que nossos alunos façam uma boa prova!

Como usar o Vade Mecum na prova da OAB? 

O vade mecum é uma ferramenta essencial para a prova, pois

contém as principais leis, súmulas e jurisprudências que serão necessárias para a elaboração da peça processual.

E, por isso, é importante saber como marcar vade mecum para oab de forma eficiente e prática.

O que é o vade mecum?

Antes de mais nada, é importante entender o que é o vade mecum.

O vade mecum é um livro que reúne todas as leis, súmulas, jurisprudências e demais normas que são essenciais para a advocacia.

Ele é uma ferramenta de consulta rápida e eficiente, que permite que o advogado tenha acesso às informações que precisa com facilidade.

E no caso da OAB, o vade mecum é fundamental para a segunda fase da prova, pois é nele que o candidato encontrará

as leis e jurisprudências que serão necessárias para a elaboração da peça processual.

Então, por isso, é importante saber como marcar vade mecum para oab de forma eficiente e prática.

Dicas práticas de como marcar vade mecum para oab 

Existem algumas maneiras de marcar o vade mecum que não seja proibido pelo edital da FGV.

Abaixo ressaltamos algumas delas:

Use marcadores coloridos

Uma das formas mais eficientes de como marcar vade mecum para oab é utilizando marcadores coloridos (marca-texto).

É importante que você use cores diferentes para cada tipo de informação que precisará na hora de elaborar a peça processual.

Por exemplo, você pode usar uma cor para indicar as leis, outra para as súmulas e jurisprudências, e assim por diante.

Dessa forma, você consegue encontrar rapidamente as informações que precisa, sem se perder no meio de tantas páginas.

Utilize post-its

Outra forma eficiente de como marcar vade mecum para oab é utilizando post-its.

Eles são práticos e fáceis de usar.

Mas, para a prova da oab,

somente são permitidos aqueles prontos e escritos, vendidos em livrarias e papelarias.

Isso ajuda a organizar melhor as informações e a encontrar rapidamente o que precisa.

Evite fazer anotações 

Evite fazer anotações excessivamente longas ou complexas, pois elas podem confundir sua compreensão do conteúdo.

Além disso, os fiscais da prova podem tomar seu material por acharem que existem colas nas suas anotações.

Utilize clipes coloridos

Outra dica importante é separar o vade mecum utilizando clipes para facilitar a localização de artigos ou legislações importantes durante a prova.

Isso pode ser particularmente útil para a segunda fase da OAB, onde as peças costumam envolver apenas uma ou duas matérias específicas.

Estude com o vade mecum que vai usar na prova

Por fim, vale lembrar que a prática é fundamental para que você possa

se familiarizar com o uso do vade mecum e desenvolver sua própria técnica de marcação e anotação.

Por isso, é recomendável fazer exercícios e simulados utilizando o material de estudo para que você possa testar e aprimorar suas habilidades.

Qual Vade Mecum devo adquirir para a segunda fase de Penal da OAB?

Antes de mais nada, escolha um Vade Mecum atualizado até o dia do edital do Exame que você irá realizar.

Não invente de realizar a prova com um código antigo.

Ou que até seja novo, mas não esteja atualizado até o dia da publicação do seu edital de prova.

Então, escolha um Vade Mecum sem índices estruturados para a peça processual.

Ou seja, sem “esquemas” ou remissões literais sobre a petição que você deve elaborar na segunda fase da OAB.

E antes de adquirir, verifique bem o Vade Mecum para ter certeza de que o índice não está em desacordo com as regras do edital do exame.

Por incrível que pareça, muitos códigos possuem este tipo de índice.

Além disso, dê preferência aos códigos que são organizados especialmente para a prova do Exame de Ordem e para a sua matéria da 2ª fase em específico, no caso aqui, Vade Mecum de Penal.

CLIQUE AQUI para conhecer o meu Vade Mecum de Penal organizado especialmente para o Exame de Ordem, atualizado até o edital da sua prova e totalmente permitido para sua consulta durante a prova!

Conclusão

O vade mecum é uma ferramenta fundamental para qualquer estudante ou profissional do Direito, especialmente para aqueles que estão se preparando para a prova da OAB.

Saber como marcá-lo e utilizá-lo de forma eficiente pode fazer toda a diferença na hora da prova, garantindo que você tenha acesso rápido e fácil ao conteúdo necessário para responder às questões e elaborar as peças processuais.

Se você está se preparando para a segunda fase da OAB, não deixe de investir em um bom vade mecum e de praticar sua técnica de marcação e anotação.

Além disso, considere fazer um curso preparatório para a prova, como o oferecido pelo IDPB, que pode ajudá-lo a aprimorar seus conhecimentos e habilidades e aumentar suas chances de sucesso.

Acesse agora mesmo CLICANDO NA IMAGEM ABAIXO:

2 visualizações0 comentário

コメント


bottom of page