top of page
  • Foto do escritorDario Alexandre

Como atender o cliente na Advocacia Criminal (COM VÍDEO)

Como atender o cliente na Advocacia Criminal

Ao iniciar a carreira de advogado criminalista, é comum surgir diversas dúvidas sobre a prática na Advocacia Criminal, e uma delas é como atender um cliente criminal. Recebo muitas perguntas envolvendo esse tema, e por isso, resolvi trazer algumas dicas rápidas e práticas sobre o atendimento ao cliente nessa área.

Como presidente do IDPB e advogada criminalista com quase 20 anos de experiência, eu, Cris Dupret, tenho coordenado diversos cursos voltados para a prática na área criminal, como o Curso de Prática na Advocacia Criminal, onde ensino aspectos importantes para a atuação na prática penal, incluindo o atendimento ao cliente. Vamos lá? Veja o vídeo antes:

Curso de Prática na Advocacia Criminal te ensina desde os aspectos mais básicos como o atendimento ao cliente, até as atuações mais complexas como a sustentação oral. E ele está com uma condição imperdível! Para ter acesso vitalício ao curso CLIQUE AQUI e ao fazer sua matrícula, escolha o acesso vitalício – ao invés de 1 ano de acesso, você poderá acessar enquanto o curso existir!

Dicas práticas de como atender o cliente criminal

A Advocacia Criminal é uma área do direito que exige habilidades e competências específicas do advogado. Uma dessas competências é a capacidade de atender bem o cliente, que muitas vezes está em situação de vulnerabilidade e precisa de uma assistência jurídica de qualidade. O atendimento ao cliente na Advocacia Criminal é uma etapa fundamental e deve ser feito de forma ética, respeitosa e profissional.

Neste artigo, apresentaremos algumas dicas para o advogado criminalista atender bem o seu cliente na advocacia criminal.

Seja empático e acolhedor

O primeiro passo para atender bem um cliente na advocacia criminal é demonstrar empatia e acolhimento. O cliente pode estar passando por um momento difícil e, por isso, é importante ouvi-lo com atenção e respeito. É fundamental mostrar ao cliente que o advogado está ao seu lado, que compreende as suas angústias e que fará o possível para ajudá-lo.

Seja claro e objetivo

O advogado criminalista deve ser claro e objetivo na comunicação com o cliente. É importante que o cliente entenda as suas explicações, ainda que o assunto seja complexo. Para isso, é importante utilizar uma linguagem simples e acessível, sem jargões jurídicos, e fornecer informações precisas e relevantes sobre o processo.

Esteja disponível e acessível

O cliente precisa sentir que pode contar com o advogado a qualquer momento. Por isso, é importante que o advogado esteja disponível e acessível para o cliente, seja por telefone, e-mail ou pessoalmente. É fundamental que o advogado retorne as ligações e mensagens do cliente o mais breve possível, para que ele se sinta amparado e tranquilo.

Seja honesto e transparente

O advogado criminalista deve ser honesto e transparente com o cliente. É importante informá-lo sobre as chances de êxito do caso, os prazos processuais, os custos envolvidos e as possíveis consequências da decisão judicial. A transparência ajuda a construir uma relação de confiança entre o advogado e o cliente.

Mantenha o cliente informado

O cliente precisa ser mantido informado sobre todas as etapas do processo, para que possa compreender o que está acontecendo e tomar decisões conscientes. O advogado criminalista deve informar o cliente sobre as datas das audiências, o teor das decisões judiciais e as estratégias adotadas na defesa. A comunicação constante ajuda a evitar surpresas desagradáveis e a construir uma relação mais sólida entre o advogado e o cliente.

Com essas dicas simples, é possível oferecer um atendimento de qualidade ao seu cliente criminal. No entanto, para se aprofundar ainda mais nesse tema, é importante buscar capacitação através de cursos especializados.

Como aprender a fazer um atendimento ao cliente na Advocacia Criminal?

Atender bem o cliente na Advocacia Criminal é uma tarefa fundamental para o advogado criminalista. É necessário ser empático, claro, objetivo, disponível, honesto, transparente e manter o cliente informado sobre todas as etapas do processo. Seguindo essas dicas, o advogado pode construir uma relação de confiança com o cliente e prestar um serviço de qualidade na defesa de seus interesses.

Se você é um advogado criminalista em busca de aprimoramento na prática da advocacia criminal, não deixe de conhecer o Curso de Prática na Advocacia Criminal do Instituto Direito Penal Brasileiro. Com acesso vitalício e conteúdos atualizados, o curso é coordenado por mim, Cris Dupret e especializado em aprimorar as habilidades dos profissionais na área. Ao se inscrever no curso, você terá acesso a um conteúdo completo, que inclui desde a teoria até a prática, passando por temas como elaboração de peças processuais, técnicas de argumentação, gestão de clientes e muito mais.

Além disso, o curso oferece materiais didáticos, exercícios práticos, aulas ao vivo, mentorias individuais e em grupo, tudo para que você possa desenvolver suas habilidades e se tornar um advogado criminalista de sucesso. Com o acesso vitalício, você pode estudar no seu próprio ritmo, sem se preocupar com prazos e limitações de tempo.

Não perca mais tempo e inscreva-se já no Curso de Prática na Advocacia Criminal do Instituto Direito Penal Brasileiro. Com ele, você estará preparado para atender bem seus clientes, elaborar peças processuais de qualidade e ter sucesso na sua carreira como advogado criminalista. Acesse o link AQUI e inscreva-se agora mesmo!

0 visualização0 comentário
bottom of page